Kylie Jenner e Cristiano Ronaldo mostram a força das redes sociais

ads

Foi-se o tempo em que a vida real e a rede social tinham separações. Em um cenário de convergência e seres humanos cada vez mais conectados, o que acontece na linha da vida tem relação direta com o que se passará na timeline. E vice-versa. Este conceito é sabido por muita gente, mas as demonstrações desta nova regra ainda surpreendem quando envolvem números milionários.

Conhecido nos campos de todo o mundo, Cristiano Ronaldo é uma máquina também quando o assunto são mídias sociais. Comparado pela italiana Juventus por 100 milhões de euros (R$ 447 milhões), o ex-atacante do Real Madrid alavanca o Instagram e o Twitter do novo clube enquanto seguidores migram de seu último time.

Segundo dados divulgados pela própria Juve, em apenas dois dias o atacante foi responsável por angariar 1,1 milhões de seguidores no Tiwtter. No Instagram o sucesso não foi diferente e em pouco tempo, a página oficial da “Velha Senhora” subiu de 10,5 milhões de seguidores para 11,4 milhões.

Confira abaixo um balanço feito pela Bleacher Report Football:

 

Enquanto isso, na sua antiga casa madrilenha, o perfil oficial do clube no Tiwtter que tinha quase 32 milhões de followers vê a sua conta ir para 31 milhões. Tanto sucesso nas redes refletiu nas finanças e as ações do novo lar italiano dispararam 5% nesta terça-feira (12).

Kylie Jenner – do Faces para a Forbes

Vinda de outro espectro que o astro português, a jovem de 20 anos também é craque no campo em que atua. Meia-irmã de Kim Kardashian, ela é a mulher mais jovem na lista da edição da Forbes que ranqueou as bilionárias norte-americanas.

Para quem pensa que Kylie atingiu esta marca apenas pelos rendimentos da sua família, ela mostra que é mais do que isso e vê a sua empresa Kylie Jenner Cosmetics valer 3 bilhões de dólares em apenas quatro anos.  

Tida como única modelo da companhia, a recente executiva do ramo da cosmética utiliza apenas as suas postagens no Facebook e Instagram para vender e anunciar as novidades de seus produtos.

Com 111 milhões de seguidores no Instagram e com 21 milhões de curtidas em sua página no Facebook, a socialite posta fotos e Stories que divulgam os seus cosméticos para milhões e fazem deles objetos de consumo que a tornaram bilionária antes mesmo de Mark Zuckerberg ter conseguido o feito.

Deixe seu comentário: