Santander patrocina Museu Pelé

Futebol
Fonte: Futebol

O Santander Brasil acaba de acertar um contrato de patrocínio que vai reforçar a sua parceria com Pelé. O laço entre as duas partes existe desde 2008, quando o banco escolheu o ex-jogador para ser o “padrinho” da Copa Santander Libertadores, e agora ganha novos contornos com a decisão da instituição financeira de se tornar patrocinadora do Museu Pelé, que reunirá seu acervo pessoal a fim de preservar a memória. O investimento será de R$ 3 milhões e se dará por meio da Lei Rouanet.

O museu será construído em Santos, no antigo Casarão do Valongo, situado no Largo Marquês de Monte Alegre, Centro Histórico da cidade. Antes de receber o acervo, o edifício construído em 1865 terá as fachadas restauradas e o interior reestruturado. O projeto cultural ficará hospedado em um bloco de 1.232 metros quadrados a ser erguido no local.

Com previsão de inauguração para dezembro do ano que vem, a iniciativa reunirá mais de 1.500 peças, que se dividem entre objetos pessoais, fotos, filmes e troféus. Hoje, os itens encontram-se espalhados na Alemanha, Emirados Árabes e em posse do próprio jogador.

“O Pelé é um patrimônio do Brasil e da cultura brasileira. A sua história é um capítulo à parte na história do País. Assim sendo, é preciso conservá-la, apresenta-la a quem não vivenciou o período das suas maiores obras-primas e eterniza-la na memória”, diz  Fernando Byington Egydio Martins, vice-presidente executivo de Marca, Marketing, Comunicação e Interatividade do Santander Brasil.

O museu faz parte do projeto Marina Porto de Santos, que prevê a revitalização do Centro Histórico da cidade. A organização do acervo é uma iniciativa da Ama Brasil e conta com o apoio da Prefeitura de Santos.

Deixe seu comentário: