Antarctica cria peças que revalorizam um dos reis da noite: o garçom

sds

Um dos grandes segredos de um bar bem-sucedido é um time de profissionais de qualidade. Em especial aqueles que estão em contato direto com o cliente e o fazem querer voltar. Para garantir à boemia carioca essa qualidade e homenagear o garçom no seu dia, a Academia da BOA, escola gratuita fundada pela Antarctica para capacitação de garçons, foi ainda mais longe: espalhou outdoors de seus alunos recém-formados em frente aos bares mais movimentados do Rio de Janeiro.

Da Tijuca ao Leblon-Gávea, passando por Flamengo, Botafogo e Copacabana, fotos de garçons formadas pela escola mostram de forma descontraída o perfil de cada um, de acordo com o bar onde a peça está localizada. Além de estimular a geração de emprego no Rio de Janeiro, a ação tem como intuito valorizar este profissional, que é um patrimônio carioca.

"Com um cenário difícil para a boemia carioca, a Antarctica decidiu fazer uma coisa boa e lançou a Academia da BOA, que recicla e capacita garçons. Agora resolvemos dar mais um passo e estamos ajudando a empregá-los, colocando em cena neste dia 11 de agosto - Dia do Garçom - o verdadeiro protagonista da história: nossos alunos formados", explicou Bruna Buás, diretora de marketing da Antarctica.

Oito profissionais de diferentes regiões da cidade, foram selecionados pelo desempenho e pelas histórias. Eles representam outros tantos alunos que se formaram e estão na busca por um emprego. "Essa iniciativa da Antarctica é ótima, pois nos dá uma oportunidade para uma colocação no mercado de trabalho. Estou esperançosa para ver o resultado", disse Patrícia Lima, aluna da Academia e recém-formada.

"Será meu primeiro emprego como garçonete, o curso foi um grande aprendizado, saber que temos uma escola que pode nos ajudar a ter uma formação na profissão e ainda nos colocar num outdoor, valorizando o que somos e o que fazemos... É uma realização!", completou.

 

Deixe seu comentário: