Assédio Inside: CEO da Intel se demite após se envolver com funcionária

intel

O CEO da fabricante de processadores desde 2013, Brian Krzanich, pediu demissão de seu cargo. A saída do mandatário foi confirmada por um comunicado enviado a imprensa. De acordo com o aviso, o executivo violou políticas internas da Intel ao se relacionar com uma funcionária.

"A Intel foi recentemente informada que o senhor Krzanich teve uma relação consensual com uma funcionária da Intel," diz o comunicado. "Uma investigação em andamento feita por um conselho interno e externo confirmou uma violação na política da Intel, que se aplica a todos os gerentes."

A relação aconteceu há algum tempo, mas só foi descoberta recentemente pelos diretores da empresa. A saída de Brian serve para reforçar as regras aplicadas a todos os funcionários.

O cargo de chefe interno será preenchido por Robert Swan, CFO da companhia. A direção procurará um novo comandante imediatamente e serão considerados os candidatos internos e externos.

Deixe seu comentário: