Saiu mais um dossiê da Nova/sb e segundo ele a "Maconha é pop"

maconha é pop nova/sb

A nova/sb tem uma iniciativa digital que aborda temas de interesse público. Esta empreitada é realizada em forma de estudos pelo Comunica Que Muda. A agência já produziu dossiês sobre mobilidade, lixo, intolerância, álcool, saúde, etc. E a mais recente pesquisa liberada pela agência mostra que na internet a maconha é “pop”.

O assunto é defendido em sua maioria por mulheres (73,8%) e “pega fogo” no Rio de Janeiro (34%), seguido por São Paulo (18,5%). Entre os dias 12 de março e 8 de abril foram analisadas 555.280 menções nas rede.

Desses comentários, 72% são favoráveis, 14% contra e 14% neutros. O tema é compartilhado por 59,6%, embora poucas pessoas comentem sobre suas próprias experiências. Dos que falam sobre maconha nas redes, mais de ¼ assumem publicamente que usam a erva de forma recreativa (28,1%).

Apesar da grande discussão nas redes, de acordo com os dados coletados, a cannabis ainda é tratada de forma superficial. Existe pouca discussão sobre guerra às drogas, descriminalização e uso medicinal. Do total de menções sobre a erva, apenas 4,5% falam da batalha contra entorpecentes. Desses, 65% são contrários à forma como se combate às drogas, 29% são a favor e 6% neutros. Com relação à legalização, 84,6% são a favor, 14% contrários e 4,1% neutros.

Nas postagens, 98,6% comentam sobre o uso recreativo e somente 1,4% sobre a utilização medicinal. Desses, 91,7% apóiam a maconha medicinal, 8,3% são neutros e ninguém é contrário.

 

Deixe seu comentário: