Privacidade violada: site "Tudo Sobre Todos" é investigado pelo Ministério Público

ads

Em meio a diversos escândalos de vazamentos de dados, em 2015 surgiu mais um site de compartilhamentos de informações pessoas que carrega o nome de “Tudo Sobre Todos”. Longe de ser uma novidade, o site está envolvido em mais uma polêmica e sendo investigado pelo Ministério Público.

Mostrando o quanto nossas informações são vulneráveis, a plataforma permite que o usuário encontre dados como nome, endereço e CPF. Também há a possibilidade de descobrir o RG, nomes de parentes e até mesmo vizinhos, mas para isso é necessário cadastrar-se no site e pagar uma taxa, o que serve de fomento para o banco de dados do site.

Olhando para essa situação, o Ministério Público exigiu que a plataforma seja retirada dos resultados de busca de sites como Google, Bing, Yahoo e Baidu. Em defesa, m sua página de perguntas frequentes, o “Tudo Sobre Todos” alega informar apenas dados públicos e queretirara todas as informações de lugares como cartórios, diários oficiais e de decisões judiciais públicas.

Ainda assim, a Comissão de Proteção de Dados Pessoais considera a atividade uma infração ao direito constitucional, à privacidade e investiga o IP do responsável. Longe de ser o primeiro caso, diversos outros sites já foram procurados e retirados do ar, como o “Telefone Ninja” e o “Consulta Pública”.

Deixe seu comentário: